Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Diário de fuga

Na rotina dos sonhos fugimos dos dias

Diário de fuga

Na rotina dos sonhos fugimos dos dias

Dia de nevoeiro

31.10.19 | Alice Barcellos | comentar
A cidade acordou pintada de cinza. O nevoeiro disfarçava a feiura dos prédios desordenados e a chuva miudinha, quase etérea, deixava as mulheres com os cabelos em pé e fazia com que as pessoas andassem com os olhos semicerrados. Era difícil encontrar alguém que não (...)

Aniversário

25.10.19 | Alice Barcellos | comentar
Soprou as velas. Ficou por segundos com a visão baça quando as luzes se acenderam. As palmas e os assobios ainda lhe zumbiam nos ouvidos. Bem como os votos de parabéns, as últimas frases da canção e o “pede um desejo”, quando estava a soprar as velas. Porra. (...)

Encontros felizes com a poesia

01.10.19 | Alice Barcellos | ver comentários (2)
Há quanto tempo não lê um poema? Há quanto tempo não se deixa encantar pela magia de letras que criam palavras e palavras que se juntam em versos, resultando em mensagens tão variadas como a própria existência humana. É difícil dizer o que é poesia ou defini-la. (...)

Pausa para café

27.08.19 | Alice Barcellos | ver comentários (3)
- Boa tarde, o que vai ser? - Um café. - Não quer nada para acompanhar? Uma queijada, um queque, uma natinha? - É só o café, se faz favor. Traz-me só o café. Não precisa ser curto, nem cheio, com açúcar ou pau de canela. Não quero bolos, não quero mais nada, a (...)

O (meu) verão em pores-do-sol

04.10.18 | Alice Barcellos | ver comentários (4)
Um dos espetáculos mais magníficos que a mãe natureza nos dá acontece quando o sol se retira. O pôr-do-sol é um momento mágico que se pode tornar ainda mais especial, dependendo do sítio onde estamos e das condições meteorológicas daquele dia.   Ver o sol a (...)

Manhãs de recomeço

27.09.18 | Alice Barcellos | ver comentários (2)
Manhãs. Adoro manhãs. O dia que começa quando abrimos os olhos, a luz que clareia quando abrimos as janelas. Em todas as manhãs podemos encontrar o ímpeto de recomeçar. Principalmente naquelas em que nos levantamos cedo e cheios de disposição. Ninguém tem vontade (...)

Outono

11.10.16 | Alice Barcellos | comentar
É sempre a mesma coisa. Mudam as estações, muda o guarda-roupa e temos a tarefa chata de arrumar as vestimentas. Hoje comecei a guardar religiosamente os meus vestidos de verão, como se ali em cada vinco e dobra pudesse guardar um bocadinho também dos dias longos e (...)

As palavras querem tempo

27.08.15 | Alice Barcellos | ver comentários (1)
Os dias vão passando e elas aguentam. Entre tarefas, teclas e cliques, elas esperam aqui dentro. Vão brotando e querem sair, mas não podem. A semana está quase no fim e vais ganhando aquela angústia miudinha de quem não consegue deitar cá para fora as palavras que (...)